Top Ad unit 728 × 90

Destaques

Destaqu

Contratamos 1 milhão de corretores. Empresas maiores, corretores ganhando menos e insatisfeitos.

                          
 Por Mariana Ferronato

Olá queridos leitores do Marketingimob, antes de iniciar este artigo, já falo que desta vez ele é um tanto polêmico, e que reflete a minha opinião pessoal, há quem não concorde. Bom, vamos lá...

Segundo estimativas, existem hoje no país cerca de 275 mil corretores imobiliários. Se levarmos em consideração a população do Brasil, é praticamente 1 corretor para cada 700 habitantes, um número bem expressivo. Em São Paulo, por exemplo, existem atualmente 85 mil corretores ativos, mas conforme dados do CRECI, teria espaço para dobrar este número, ou seja, mais 85 mil novos corretores. Se por um lado empresários e dirigentes do setor clamam por novos profissionais, em boa parte das cidades os corretores consideram que o mercado já está "cheio" e costumam não olhar com bons olhos a entrada de novos colegas. 

Contratar novos corretores e aumentar a imobiliária é sim um caminho de duas mãos. Veja só. Se a imobiliária aumenta, consequentemente pode vender e captar mais imóveis, ela cresce, fica mais famosa e acaba atraindo mais potenciais clientes para a imobiliária todos os meses, e consequentemente, novas vendas que não atrairia de outra forma. O faturamento e a velocidade de vendas será maior, pois a empresa terá mais ofertas em carteira. Isto tudo seria muito bom, mas por outro lado, normalmente o número de potenciais clientes não cresce na mesma proporção que o número de corretores, desta forma, normalmente com o crescimento da empresa, boa parte dos corretores passam a ganhar menos. 

Conhecemos o nosso mercado, e sabemos que em boa parte das empresas um verdadeiro planejamento estratégico é algo raríssimo, desta forma é raro o empresário que de fato preocupa-se em fazer o cálculo de quantos novos corretores precisa para aumentar suas vendas sem reduzir expressivamente a comissão dos atuais. O fato do corretor não trabalhar com salário fixo é um dos fatores que colaboram com isto, afinal apesar dos gastos fixos do profissional, não se enxerga um "custo" definido por nova contratação. Diferente de funções CLT, onde por exemplo se eu contratar um novo profissional com salário mensal de R$4.000, o custo para a empresa será quase o dobro disto, se precisar aumentar esta equipe vou pensar duas vezes, possivelmente antes de contratar irei otimizar os processos e treiná-los.

Finalizando, a imobiliária tem sim o direito de colocar quantos corretores quiser, e pagar a média mensal que quiser, deixo apenas a sugestão que se você for ampliar sua imobiliária com novos corretores, você fique muito atento ao ganho médio dos profissionais, se houver uma significativa redução e você tiver profissionais que ganhem cada vez menos, você terá profissionais desmotivados e desqualificados, você estará colaborando para reforçar a atual imagem que o profissional imobiliário possui nos dias de hoje, e queremos melhorar isto, não?. Será que investir em treinamento e qualificação, não é uma boa solução antes de ampliar sua equipe? Profissionais capacitados vendem mais, são mais felizes, e tendem a ficar mais na mesma empresa. Ok, treinar tem custo e demanda tempo. Não é que você empresário não deve crescer, apenas, pense bem como fazer isto.

Contratamos 1 milhão de corretores. Empresas maiores, corretores ganhando menos e insatisfeitos. Reviewed by Mariana Ferronato on 03:30 Rating: 5
All Rights Reserved by Marketing Imobiliário - Marketingimob © 2014 - 2015
Powered By Blogger, Designed by Sweetheme

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.