Top Ad unit 728 × 90

Destaques

Destaqu

Exposição fotográfica revela ação de marketing interessante

por Denis W. Levati

Anúncio de Jornal do Edifício Brasil, publicado em
O Estado de São Paulo

Seguindo dica que encontrei no Estadão e de passagem pelo Centro, fui conhecer a exposição Waldomiro Zarzur, 63 anos construindo São Paulo e para minha surpresa, além da exposição encontrei uma discreta, mas muito bem feita ação de marketing para divulgar um empreendimento. A experiência eu compartilho aqui com vocês.

Waldomiro Zarzur

Waldomiro Zarzur, 90 anos de idade, 63 como engenheiro.

Formado em engenharia pelo Mackenzie, o paulistano descendente de libaneses Waldomiro Zarzur, hoje com 90 anos é responsável por muitas construções na cidade de São Paulo. Entre os edifícios que levam sua assinatura estão o demolido São Vito (que deteriorado ficou conhecido como Treme-Treme) e o mais alto do Brasil, que já foi chamado de Mirante do Vale e que recentemente foi rebatizado de Palácio W. Zarzur.

Visto do Banespão, o Palácio W. Zarzur não parece o mais alto
Foto Denis W. Levati

Para comemorar a data foi organizada a exposição que mostra através de 31 fotos tiradas a partir da década de 1940 retratam as principais obras assinadas por Zarzur. A curadora da exposção Maria Ruth Amaral de Sampaio, professora da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP disse: "Nesses 63 anos verticalizando a cidade, ele fez 300 edifícios nós escolhemos os principais. A exposição é uma mostra muito pequena da produção dele”.


Foto do  Palácio W. Zarzur em construção
faz parte da exposição.


Construção do Hospital Albert Einstein inaugurado em 1971
também está entre os 31 painéis.
Sempre interessado no mercado imobiliário mas principalmente na história do processo de verticalização da cidade, rumei em direção ao endereço esperando ver a exposição no hall de algum antigo edifício ou nas muitas galerias antigas que o Centro possui. Mas nada disso, o local encontrado foi um stand de vendas de um novo projeto de Waldomiro Zarzur, o edifício Brasil.




Edifício Brasil

É bem interessante e surpreendente encontrar em meio a painéis P&B que compõe um cenário histórico o contraste tão moderno como o do Edifício Brasil. O projeto é do próprio Zarzur e de sua construtora e a decoração supervisionada pelo badalado escritório de Marcelo Rosembaum, o conjunto completo é realmente muito bonito.


Fachada do Edifício, projeto de
Marcelo Rosembaun e Guto Requena

Além dos itens de lazer e infraestrutura como academia e serviços pay-per-use que já são comuns nos lançamentos de baixa metragem na região, o Brasil aposta naquilo que os idealizadores tem chamado de design residencial.  A fachada colorida foi criada a partir de um degrade entre verdes e azuis e terá um importante impacto no entorno além de orientar visualmente os moradores a reconhecerem que andar habitam, criando uma relação de identidade a partir da cor, que será repetida no corredor comum de seu andar.

Detalhe da Fachada com o nome na esquina e as
calçadas personalizadas com ladrilho SP

Toda concepção e proposta do Edifício Brasil levam em consideração a história da cidade. Parte da cobertura será um mirante com vista privilegiada para o centro histórico, retomando a cultura dos terraços coletivos característico da São Paulo dos anos 60 e 70, comuns nos projetos de Zarzur. Os envolvidos provam que para uma cidade nova e moderna surgir não é preciso esconder a anterior, as duas podem coexistir pacificamente.


Exposição fotográfica revela ação de marketing interessante Reviewed by Denis Willian Levati on 11:33 Rating: 5
All Rights Reserved by Marketing Imobiliário - Marketingimob © 2014 - 2015
Powered By Blogger, Designed by Sweetheme

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.