Top Ad unit 728 × 90

Destaques

Destaqu

O E-mail Marketing no Mercado Imobiliário


Você envia e-mail marketing? Muitas pessoas podem não utilizar, torcer a cara para o e-mail marketing, mas eu particularmente acredito muito nesta ferramenta. Agora, um detalhe, ela tem MUITAS especificações. Não basta criar uma arte qualquer, enviar 12 vezes no mês, sem segmentação alguma, e depois reclamar que e-mail marketing é colocar dinheiro fora, ou então torcer esperando resultados, você não terá.

As dicas e percepções abaixo que separei para vocês, foram selecionadas através de leituras, palestras que presenciei e pela própria vivência que tenho no dia a dia com a ferramenta.

SEGMENTAÇÃO
E-mail é ouro, porém um banco de dados desorganizado além de você  não obter resultado, também é colocar dinheiro fora. Segmente seus clientes por classe, cidade, idade, renda, etc etc etc. Quanto mais segmentado melhor para você.
Por exemplo, se você não tiver segmentação alguma e quiser oferecer um apartamento de R$1milhão, terá que gastar e enviar para todos, sendo que provavelmente da sua lista, nem 1% seria público alvo deste empreendimento.

E-MAIL MARKETING NÃO É DE GRAÇA.
Não use em hipótese alguma ferramentas gratuitas para enviar e-mail marketing. Ela vai te prejudicar MUITO. Sabe por que? 1o. Ela utiliza o seu próprio servidor para envio, ou seja, a maioria vai como Spam (lixo eletrônico). 2o. Ela não possui sistema de descadastramento, ou seja seu cliente terá que ficar eternamente recebendo o seu e-mail, irritado ele vai na opção que existe nos servidores como Terra, Uol, etc e informa que o seu domínio enviou um spam. Quando muitas pessoas fazem isto, você não somente aumenta o número de spams, como também corre o risco de ir para a terrível "Lista Negra da Internet", e aí meu amigo... A situação complica. Imagine boa parte dos e-mails de sua imobiliária entrando como spam? Nos dias de hoje é praticamente o caos.

COMPRA DE MAILING, DESCONFIE.
Experiência própria. Já tive diversos mailings comprados, e de procedência duvidosa. O retorno obtido foi mínimo. Desconfie daquele e-mail com a maior cara de vírus que você recebe: "Vendo 50milhões de e-mails por R$500,00". Tudo bem, existem empresas sérias de venda de mailing, mas de qualquer forma é um produto que desconfio, as empresas vendem estes nomes para você e para mais 30 empresas, alguma dúvida de que esta pessoa não aguenta mais receber e-mail marketing de empresas que nunca teve contato e por isso não abre o seu rico e-mail marketing? Do que adianta você ter 1 bilhão de e-mails em seu mailing se o seu público alvo não está ali? Tempo e dinheiro posto fora.

UM BOM MAILING QUE DÁ RETORNO.
O melhor mailing é o seu, obtido diretamente da sua empresa, de pessoas que estão SIM interessadas na sua marca e principalmente no seu produto. E aí se você for a empresa não fique estagnado esperando os corretores cadastrarem e os clientes baterem na porta com seu emailzinho. Crie ações para gerar cadastros. 

RESPEITE A FREQUENCIA.
Independente do valor do imóvel que você vende, você trabalha com um produto de alto valor agregado, eu particularmente recomendo envio com uma alta frequência, mensal no mínimo, isto gera curiosidade e relevância da sua mensagem. Eu já vi imobiliária enviar mais de 10 e-mails para o mesmo segmento de clientes por semana, e o pior, sem a possibilidade de se descadastrar. Imagine o que os clientes achavam desta empresa???

O MAILING DO CORRETOR
Corretor, o seu mailing pode não ser tão grande quanto o da empresa que você trabalha, mas isto não é problema. Tenha como rotina cadastrar 100% dos e-mails de 100% das pessoas que você tem contato. Crie segmentações para seus clientes, e ofereça os melhores empreendimentos que você está vendendo para eles através de uma ação SUA de e-mail marketing. Além de oferecer empreendimentos, você também reforça a sua "marca" como corretor para seus clientes. Atenção! Cuide para não se empolgar e enviar muito, você vai virar um chato.


AGINDO EM CIMA DOS RESULTADOS
Um bom programa de e-mail marketing permite uma análise aprofundada dos resultados em tempo real, e consequentemente permite identificar os reais clientes interessados, possibilitando que você entre em contato. É possível extrair relatórios de quem clicou, onde clicou, quantas vezes, etc etc. Veja o exemplo do cliente abaixo:


Podemos perceber que para o mesmo e-mail, "Verão do Imóvel, o cliente clicou 4 vezes, com intervalo de tempo consideráveis. Em cima disto podems acreditar que ele realmente está buscando seu imóvel.

DICAS DE LAYOUT
- Quanto mais você falar de seu empreendimento na arte, menos as pessoas vão precisar entrar em contato com você. Tome cuidado para mostrar apenas o necessário, sempre despertando a curiosidade.
- Cuidado com a largura da arte. O recomendado pelos especialistas é no máximo de 550pixels
- Utilize apenas a linguagem HTML básica. Não utilize vídeos, flash, CSS, anexos..
- Quanto mais leve o arquivo melhor: (recomendado no máximo 50kb)
- Não utilize uma imagem única, fatie a imagem em pedaços
- Atenção para o cabeçalho do seu e-mail, ele é a parte mais visualizada, muitas vezes definitivo para atrair a atenção do leitor.
- Utilize texto e tag Alt para os "pedaços" da sua arte. Do contrário, quando os navegadores bloquearem as imagens do seu e-mail nada vai aparecer.
Repare como na opção da direita, se não fosse texto Alt seria impossível ver qualquer coisa,



SAIBA MAIS SOBRE E-MAIL MARKETING

- Acesse o Código de Autorregulamentação para a Prática de E-mail Marketing

- Conheça os termos utilizados


MODELOS DE E-MAIL MARKETING



Bom pessoal, fico por aqui com minhas dicas, espero que sejam úteis, qualquer dúvida ou trocas de experiências, podem entrar em contato comigo através do marketingimob@gmail.com 

O E-mail Marketing no Mercado Imobiliário Reviewed by Mariana Ferronato on 10:28 Rating: 5
All Rights Reserved by Marketing Imobiliário - Marketingimob © 2014 - 2015
Powered By Blogger, Designed by Sweetheme

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.